Loading...

quarta-feira, 23 de julho de 2014

NEJA I E III - URGENTE

Prezados,
o semestre terminou e ainda existem alunos que não entregaram os trabalhos. Estarei a semana toda na escola para repor dias perdidos e recolher as atividades que foram propostas antes do recesso. Quem está em débito por favor mande notícias e apareça com os trabalhos prontos.
Abraços,
Sobral.

sábado, 19 de julho de 2014

FEDERALIZAÇÃO DA EDUCAÇÃO BÁSICA

Prezados amigos da sabedoria,

existe um debate no Congresso Nacional quanto a Federalização da Educação Básica. Atualmente os governos municipais são responsáveis pelo ensino fundamental e os estaduais pelo ensino médioO projeto prevê um plebiscito que pode ser realizado ainda este ano junto das eleições, e irá indagar quanto a participação do governo federal na educação básica (fundamental e médio).

Inicialmente a pergunta proposta à população seria:

a educação básica pública e gratuita deve passar a ser da responsabilidade do governo federal?

E agora se converteu em:

o financiamento da educação básica pública e gratuita deve passar a ser da responsabilidade do governo federal?

Vejam os encaminhamentos do debate:

http://www.senado.gov.br/atividade/materia/detalhes.asp?p_cod_mate=115907&p_sort=DESC&p_sort2=A&p_a=0&cmd=sort

Pesquisem e se informem, pois isso acarretará mudanças no ensino fundamental e médio. Diante da atualidade e relevância da questão o ENEM 2014 pode inclusive abordar o tema.

Abraços,
Sobral.

terça-feira, 15 de julho de 2014

Pra frente, Brasil.


Caros amigos da sabedoria,
segue abaixo um filme de 1982 que aborda como a ditadura militar se aproveitou de um evento esportivo para torturar, matar, roubar e destruir opositores do sistema. Semelhança com os eventos ocorridos na Copa 2014?
Bom filme!
Abraços,
Sobral.



segunda-feira, 23 de junho de 2014

VALE QUANTO PESA?

Caros amigos do conhecimento,

seguem alguns dados curiosos sobre impostos e salários que interessa à nós trabalhadores e filósofos. Algumas notícias estão desatualizadas, porém não impedem o entendimento da situação. Vejam:

Trabalhador brasileiro trabalha 5 meses só para pagar impostos:

FIFA obteve isenção de impostos na casa de R$1.000.000.000,00 (um bilhão) e lucro estimado em R$10.000.000.000,00 (dez bilhões) com a COPA no Brasil:
O salário mínimo no Brasil:
Os salários e o custo de deputados federais e senadores:
Os salários na CBF:
* Os salários dos jogadores são pagos pelos clubes ou empresas que os contratam.

sexta-feira, 20 de junho de 2014

A MAIOR VITÓRIA DO BRASIL

Caros amigos da sabedoria,

se não soubermos fazer contas, iremos precisar de alguém que faça para nós. Se não desenvolvermos a habilidade da leitura e escrita, vamos precisar que alguém leia e escreva para nós. E da mesma maneira podemos perceber que a transformação social e politica do nosso país só ocorrerá quando tivermos conhecimentos que nos permitam efetuar mudanças profundas na sociedade. Com estes exemplos simples desejo que vocês notem a importância da busca do conhecimento.

Para aprender somar ou dividir estudamos matemática, e para estudar a sociedade ou a politica, que matérias estudamos na escola? As disciplinas filosofia e sociologia foram retiradas do currículo escolar no período da ditadura, pois não interessava ao governo autoritário que os indivíduos pudessem pensar a realidade brasileira. O retorno destas matérias às salas de aula é uma conquista recente, porém ainda existem políticos tentando fazer com que vocês não tenham acesso ao debate escolar sobre os temas destas matérias.

A Lei de Diretrizes e Bases da Educação, que é a "Constituição" da educação no Brasil, parece que está sendo ignorada no NEJA, pois ela diz que filosofia e sociologia devem ser oferecidas em todo ensino médio e a oferta destas disciplinas só ocorre em 50% do curso, logo os alunos estão sendo privados destes estudos. Não podemos permitir que o governo nos tome as ferramentas essenciais para conquistarmos a maior vitória do Brasil,  a transformação do cenário politico social que nos cerca.

Abraços,

Sobral.

sábado, 31 de maio de 2014

TRABALHOS COPIADOS

Caros amigos da sabedoria do NEJA I e III,
como sabem as atividades em andamento são individuais e não podem ser meramente copiadas da internet ou de colegas. No primeiro bimestre ocorreram casos de plágio e solicitei que os trabalhos fossem refeitos. Para o trabalho final do segundo bimestre foi dado prazo de 2 meses para sua realização, logo não haverá desculpa de falta de tempo ou de trabalhos copiados da internet.
Atentem para o fato de que o plágio, falsa autoria, constitui um grave problema, vejam as noticias abaixo.
Sobral.

http://educador.brasilescola.com/orientacoes/plagios-no-ambito-escolar.htm

http://educacao.uol.com.br/album/2013/11/18/colas-e-trapacas.htm

segunda-feira, 26 de maio de 2014

TENHAM CUIDADO

Caros Filósofos,

fiquem atentos à eventuais manipulações criminosas para prejudicar professores em greve ou que não fazem parte de grupos aliados aos governos ou partidos políticos. Isto pode ocorrer em qualquer escola inclusive com colaboração de professores, funcionários ou pessoas que recebem promessas de vantagens para participar. Existem muitos exemplos desta lamentável situação ocorrendo no serviço publico brasileiro, porém cito um caso pessoal, onde por me manifestar contrariamente ao mau uso de dinheiro publico tive minha casa invadida, sofri atentados contra minha vida e criminosos realizaram acordos judiciais em meu nome. Fatos que ainda não cessaram ...
Estou convicto que vocês possuem maturidade suficiente para se manterem afastados de problemas desta natureza, mas tenham cuidado e se for o caso denunciem.

Sobral.

SE INFORMEM:

Assédio moral nas escolas;

Acusado de assédio moral, diretor de Fatec se explica à Comissão na Assembleia;

Professora de Taboão diz sofrer perseguição da direção escolar;

Não permita que exista assédio moral em sua escola;

DF é condenado a indenizar servidora que sofreu assédio moral por parte direção da escola;

MP denuncia diretor e coordenadora de escola por terem supostamente fornecido álcool a menores;

Apeoesp acusa diretor de praticar assédio moral contra professores.


TEMAS TRANSVERSAIS

Caros amigos da sabedoria do NEJA módulos I e III,
as atividades propostas para o trabalho final do bimestre compreendem questões atuais relevantes que afetam a sociedade e nossa vida, logo são temáticas que importam à Filosofia; e ainda, perfazem a característica de questões utilizadas no ENEM e nos vestibulares. Habituem-se a refletir sobre temas desta natureza e exercitem a escrita!
Seguem algumas referencias para leitura:
  1. Os Temas Transversais na Escola Básica;
  2. Temas transversais vinculados ao cotidiano;
  3. A mediação pedagógica da fotografia no ensino dos temas transversais;
  4. O ENEM e os temas atuais.
Abçs.,
Sobral.

terça-feira, 20 de maio de 2014

RECUPERAÇÃO 1º BIMESTRE MÓDULOS I e III

Caros filósofos com pendencias no 1º bimestre,
não deixem de fazer as atividades propostas.
Abçs.,
Sobral.

PARALISAÇÃO 2014

Caros amigos da sabedoria do NEJA Módulos I e III,
como sabem muitos cidadãos e categorias profissionais, inclusive estudantes e professores, estão reivindicando melhorias na educação, cumprimento de acordos e mudanças politicas e sociais profundas no Brasil.
Tenho ido à escola nos meus dias para orientar e tirar dúvidas sobre nossas atividades em andamento. Os alunos que preferirem seguir pelo blog basta ler as postagens e mandar mensagens para tirar eventuais dúvidas.
Abçs.,
Sobral.

terça-feira, 13 de maio de 2014

NEJA III - TRABALHO FINAL 2º BIMESTRE

Caros filósofos,

no primeiro bimestre, através da leitura do texto A hermenêutica das vacas, notamos que nossa dificuldade em compreender a arte está relacionada a ausência de uma cultura estética. Assim, se desejamos olhar uma pintura e ter uma interpretação qualitativa sobre ela será necessário possuir conteúdos, conhecer os estilos e a história da pintura bem como ter o hábito de visitar exposições. O mesmo ocorre se desejamos entender e interpretar fenômenos sociais e políticos, onde se faz necessário estar munido de conhecimentos e informações para que possamos entender e transformar a realidade politico-social que nos cerca.

Tal qual ajustado em sala de aula o trabalho final do bimestre será a hermenêutica de uma imagem, realizar interpretação crítica de uma fotografia. Escolha uma das fotos abaixo e produza uma redação. Para cada imagem existe um grupo de links de leituras, nas postagens anteriores do blog existem sugestões de filmes e textos, alguns apresentados durante as aulas, no entanto fiquem a vontade para se aprofundarem no tema e buscarem outras fontes.

O trabalho deverá ser entregue em folha própria fornecida em sala de aula ou baixada aqui; conter no mínimo 20 e máximo de 25 linhas e deve ser produzido com caneta azul ou preta; o rascunho vale um ponto e deve ser obrigatoriamente feito no verso da folha.

IMAGEM 1


Desde o surgimento da industria do petróleo verificamos que a extração/comercialização do Ouro Negro está cercada de problemas, corrupção, intrigas politicas e guerras. Tais fatos notoriamente podem ser explicados como consequência da exploração sofrida pelos países produtores (terceiro mundo), pelas nações industrializadas e consumidoras (países desenvolvidos).

Risco sempre presente, os vazamentos de petróleo além de causarem severos danos ao meio ambiente afetam também a vida social, pois ocasionam improdutividade de comunidades que vivem da pesca. Casos brasileiros como o vazamento na Bacia de Campos e a existência de plataformas de petróleo com documentação vencida são preocupantes, pois denotam ausência de severidade com os responsáveis por parte das autoridades.

SUGESTÃO DE LEITURA PARA A IMAGEM 1:

TEXTO 1, As crises do petróleo;
TEXTO 2, Consequências do vazamento de petróleo no Golfo do México;
TEXTO 3, Vazamento de petróleo na China;
TEXTO 4, Vazamento de petróleo na Bacia de Campos;
TEXTO 5, Justiça brasileira encerra ação contra empresa que derramou petróleo;
TEXTO 6, Plataformas operam com documentação vencida no Brasil;
TEXTO 7, Principais acidentes com petróleo e derivados no Brasil;
TEXTO 8, Bioética, biodireito e meio ambiente;
TEXTO 9, Bioética e meio ambiente;
TEXTO 10, Indústria do Petróleo e Conflitos Ambientais na Baía de Guanabara;
TEXTO 11, Monteiro Lobato e a emergência da política de petróleo;
TEXTO 12, Consumo e produção de petróleo no Brasil;
TEXTO 13, Acordo China e Rússia;
TEXTO 14, Refinaria de Passadena.

IMAGEM 2


Desde o surgimento da industria do petróleo verificamos que a extração/comercialização do Ouro Negro está cercada de problemas, corrupção, intrigas politicas e guerras. Tais fatos notoriamente podem ser explicados como consequência da exploração sofrida pelos países produtores (terceiro mundo), pelas nações industrializadas e consumidoras (países desenvolvidos).

Historicamente os chamados Nacionalismos do Petróleo nada mais foram que movimentos que visavam interromper um ciclo de exploração promovido por grandes empresas internacionais que se beneficiavam das riquezas naturais de países produtores como, por exemplo, a Venezuela que detém grandes reservas de petróleo. Os recentes eventos que estão ocorrendo na Ucrânia também representam formas contemporâneas de disputas internacionais com motivações energéticas.

SUGESTÃO DE LEITURA PARA IMAGEM 2:

TEXTO 1, As crises do petróleo;
TEXTO 2, Venezuela torna-se a maior reserva de petróleo do mundo;
TEXTO 3, Economia da Venezuela;
TEXTO 4, Há um "golpe em gestação" para tomar o petróleo da Venezuela;
TEXTO 5, Luta pelo petróleo: cresce tensão EUA x VENEZUELA;
TEXTO 6, Hugo Chávez expulsa embaixador americano da Venezuela;
TEXTO 7, Venezuela: nacionalismo petroleiro e socialismo do século XXI;
TEXTO 8, As foto-charges e as orelhas de Chávez;
TEXTO 9, Hugo Chavez no Brasil;
TEXTO 10, Capa de jornal - fonte da imagem para análise.
TEXTO 11, Disputas pelo controle do petróleo em perpectiva;
TEXTO 12, No comando da Venezuela Chavez adotou medidas nacionalistas;
TEXTO 12, Chávez exige que Bush respeite América Latina;
TEXTO 13, A crise na Ucrânia e os corredores energéticos euro-asiáticos;
TEXTO 14, Acordo China e Rússia;
TEXTO 15, Refinaria de Passadena.

segunda-feira, 12 de maio de 2014

NEJA I - TRABALHO FINAL 2º BIMESTRE

Caros amigos da sabedoria,
o capítulo do livro que estamos estudando trata sobre o ser humano. As divisões da Unidade 10 abordam a visão sobre o homem em diversos momentos históricos: na antiguidade (seção 1), na idade média (seção 2), na modernidade (seção 3), e na contemporaneidade (seção 4).
O trabalho final do bimestre será uma redação com o tema, O ser humano na rede. Façam uma análise sobre a humanidade em tempos de internet. Seguem abaixo links de noticias que obrigatoriamente devem ser lidas para subsidiar o trabalho:

TEXTO 1, Rede social e segurança nacional;
TEXTO 2, Redes sociais e manifestações;
TEXTO 3, Rede social e briga de torcidas de futebol;
TEXTO 4, Rede social e violência.

O trabalho deverá ser entregue em folha própria fornecida em sala de aula ou baixada aqui; conter no mínimo 20 e máximo de 25 linhas e deve ser produzido com caneta azul ou preta; o rascunho vale um ponto e deve ser obrigatoriamente feito no verso da folha.

terça-feira, 6 de maio de 2014

NEJA I

Caros filósofos,
prossigam com a leitura do livro, unidade 10. A próxima avaliação será na semana de 26 a 30 de maio.
Att.,
Luís Sobral.

NEJA III

Caros filósofos,
foram definidas datas para entrega de trabalhos que antecedem a prova, análise de um fotografia. Segue calendário:
- Semana de 12 a 16 de maio, análise do texto "As crises do petróleo";
- Semana de 19 a 23 de maio, análise dos textos "vazamento de petróleo no Golfo do México e na China;"
- Semana de 26 a 30 de maio, análise do texto (em definição);
- Semana de 02 à 06 de junho, prova em sala de aula, análise de um fotografia sobre o tema.
Os dois primeiros textos foram distribuídos em sala de aula e os prazos devem ser respeitados. Cada trabalho vale até 2 pontos e a prova 4 pontos.
Att.,
Sobral.

terça-feira, 8 de abril de 2014

NEJA III

Caros filósofos,
hoje assistimos a primeira parte do documentário "A história do petróleo" com o objetivo de subsidiar o trabalho hermenêutico de uma fotografia. Na próxima aula responderemos um questionário sobre o episódio assistido e em seguida veremos a segunda parte. Quem faltou ou não pode ver até o final, o vídeo está disponível nas postagens anteriores, vejam logo abaixo.
Abraços,
Sobral.

NEJA I

Caros amigos da sabedoria,
na aula de hoje fizemos uma revisão dos conteúdos, PRIMEIROS FILÓSOFOS, presentes no livro de vocês e no livro Filosofando que levei para sala de aula. A matéria será objeto da próxima avaliação. Quem quiser estudar pelas páginas do livro filosofando pode baixa-las aqui.
Ainda na aula de hoje analisamos um fragmento do livro FEDRO de Platão com o objetivo de entendermos a razão pela qual a história da filosofia antiga é dividida com base no filósofo Sócrates, isto é, aqueles que vieram antes e depois dele. O livro pode ser encontrado em bancas de jornais, sebos e livrarias por um preço acessível. Quem desejar também pode baixar a integra do livro na internet. O fragmento analisado em sala de aula pode ser baixado aqui.
Abraços,
Sobral.

Páginas do livro filosofando estudadas em sala.
Fragmento do livro Fedro.
Obras de Platão para download.

domingo, 6 de abril de 2014

NEJA III

Caros amigos do conhecimento,
segue um vídeo documentário sobre o livro "O coração das trevas", de Joseph Conrad. O livro é uma referencia importante na literatura, e embora se trate de um romance, retrata de modo critico a exploração do marfim no continente Africano.
Com relação ao vídeo que deixo como sugestão de estudos podemos notar que na Africa, assim como na América do Sul, a exploração das riquezas naturais (ouro, diamantes, madeira, marfim entre outras) sustentou durante muito tempo países Europeus, e os Estados Unidos mais tardiamente. O mesmo processo ocorreu com a exploração do petróleo e é por esta razão que julgo oportuno assistir ao filme, pois nos permite usar o exemplo da corrida do ouro como antecedente à corrida do petróleo, o ouro negro.

LEITURA E ANÁLISE DE TEXTOS

Caros filósofos do NEJA I e III,
seguem dicas sobre como analisar um texto.
Abraços,
Sobral.

LINK 01
LINK 02

sábado, 29 de março de 2014

NEJA I

Caros Filósofos,
prossigam com a leitura do livro, Seção 2 "Os primeiros filósofos", paginas 246 à 263.
Abraços,
Sobral.

NEJA III

Caros amigos da sabedoria,
estamos seguindo com o tema do bimestre que é pensar a arte. A segunda avaliação será análise crítica de uma fotografia.

O tema é atual e de extrema importância, o petróleo, recurso natural usado como principal fonte de energia no mundo. A história da moderna indústria petrolífera é entretanto acompanhada por disputas de poder, corrupção, guerras e desastres ambientais.

Fotografia para análise:

(IMAGEM À SER DEFINIDA)

Seguem pacote de textos/notícias sobre o tema da fotografia, PETRÓLEO, que servem para subsidiar o trabalho. Vocês também estão livres para pesquisar na internet, em livros ou textos.

Textos para leitura:
TEXTO 01, As crises do petróleo
TEXTO 02, Desastre ambiental Golfo do México
TEXTO 03, Desastre ambiental Bacia de Campos
TEXTO 04, Plataformas com documentação vencida no Brasil
TEXTO 05, Justiça encerra ação vazamento Bacia de Campos
TEXTO 06, Dilma e a refinaria nos EUA
TEXTO 07, Importações de petróleo no Brasil
TEXTO 08, Xisto nos EUA
TEXTO 09, Monteiro Lobato e a politica do petróleo no Brasil
TEXTO 10, O petróleo no início do séc. XX
TEXTO 11, Indústria do Petróleo e Conflitos Ambientais na Baía de Guanabara
TEXTO 12, Principais Acidentes com Petróleo e Derivados no Brasil
TEXTO 13, Brasil importa mais de US$40 bi em petróleo e derivados - Economia
TEXTO 14, Brasil tem 11 refinarias, mas nenhuma para processar o seu petróleo pesado
TEXTO 15, Vazamento de petróleo no Golfo do México
TEXTO 16, Vazamento de petróleo na China

Sugestão de filmes:
O dossiê pelicano (1993), Syriana (2005) e Sangue Negro (2007).
Os filmes abordam de modo crítico temas relacionados a industria do petróleo como poder e politica, e podem ser facilmente encontrados em locadoras ou na internet.

O dossiê pelicano:



Filme documentário:
A história do petróleo (2004)

domingo, 23 de março de 2014

NEJA I

Caros amigos da sabedoria,
na ultima aula assistimos o filme Tempo de despertar que encerra nossas atividades da primeira metade do bimestre e complementa a atividade de produção textual, "O filósofo é o homem que desperta e fala".
Quem faltou ou não ficou até o fim da aula pode assistir através do link acima ou logo abaixo uma versão legendada. No entanto, o filme pode ser encontrado em locadoras ou baixado da internet, basta procurar.
Abraços,
Sobral.

segunda-feira, 17 de março de 2014

COMO ELABORAR UM TEXTO DISSERTATIVO

Caros amigos da sabedoria do NEJA módulos I e III,
seguem os videos com dicas sobre como elaborar um texto dissertativo.
Abraços,
Sobral.




sábado, 1 de março de 2014

CARNAVAL

Caros amigos da sabedoria,
é carnaval, brinquem com inteligencia e segurança.
Se beber não dirija e não esqueçam a camisinha!
Nos vemos no dia 10 de março.
Abraços,
Sobral.





terça-feira, 25 de fevereiro de 2014

NEJA III

Caros Filósofos do NEJA III,
na ultima aula, 2ª e 3ª feiras, foi distribuído o texto A hermenêutica das vacas.
Na aula foi realizado leitura, interpretação e debate sobre o material que serve de base para realização da primeira atividade do bimestre, produção textual.
Quem faltou deve ler o texto e fazer uma redação com no minimo 20 e no máximo 25 linhas relacionando o texto à música do compositor Zé Ramalho, Admirável gado novo, particularmente ao refrão:

Êeeeeh! Oh! Oh!
Vida de gado
Povo marcado, Êh!
Povo feliz!...

O trabalho deve ser realizado na FOLHA DE ATIVIDADES fornecida ou que pode ser baixada do blog.
Abçs.,
Sobral.


P.S. A musica do Zé Ramalho foi inspirada no livro chamado Admirável mundo novo. Quem tiver interesse pode baixar e ler durante o carnaval.

sexta-feira, 21 de fevereiro de 2014

NEJA I

Caros Filósofos do Nova EJA,

chegamos à metade do primeiro bimestre e precisamos realizar uma avaliação do caminho percorrido até agora. Com base no que foi apresentado em sala de aula produza uma redação com o tema "O FILÓSOFO É O HOMEM QUE DESPERTA E FALA". A redação deve conter no mínimo 20 e no máximo 25 linhas, o rascunho vale um ponto, e o trabalho deve ser entregue na folha fornecida.

Tal qual foi apontado, o modo expressão privilegiado da filosofia é o texto. E a redação que serve para defenderemos uma ideia chama-se dissertativa, que possui regras e estrutura própria que não deve ser ignorada. Seguem então links de vídeo aulas com dicas de como elaborar um texto dissertativo.

Novo Telecurso - Ensino Fundamental - Português - Aula 86 (1 de 2)
Novo Telecurso - Ensino Fundamental - Português - Aula 86 (2 de 2)
Abraços,
Sobral.

P.S. Este sábado teremos aula segundo a programação divulgada pela Direção do Colégio.

quarta-feira, 12 de fevereiro de 2014

NEJA I

Caros amigos da sabedoria,
esta semana iremos assistir o documentário O HOMEM PRÉ-HISTÓRICO. Atentem para o fato de que ao longo do tempo, paralelamente às transformações físicas ocorre também o desenvolvimento intelectual dos nossos ancestrais.
Abraços,
Sobral.

domingo, 9 de fevereiro de 2014

TEXTO PARA LEITURA

Caros amigos da sabedoria da Nova EJA,
o ano já começou e temos atividades para realizar. Leiam o material que segue aqui: DO MITO À RAZÃO. O texto é para a semana de 17 a 21 de janeiro, isto é, existe bastante tempo, logo não deixem de ler.
No final da página do Blog existem links para dicionários de filosofia caso surjam duvidas sobre palavras e conceitos, ou então me procurem na escola ao longo da semana.
Abraços,
Sobral.

terça-feira, 4 de fevereiro de 2014

CURRÍCULO MÍNIMO

Caros filósofos da Nova EJA,
deixei na seção "Links" (lado direito da página) o Currículo Mínimo da nossa disciplina. Quem tiver interesse em consultar os conteúdos que iremos abordar ao longo do ano pode acessar através do link CURRÍCULO MÍNIMO EJA.
Abraços,
Sobral.

quinta-feira, 8 de novembro de 2012

EXEMPLO DE TEXTO DISSERTATIVO

O MINISTÉRIO DO BLÁ BLÁ BLÁ.

É curioso como o Estado brasileiro joga conversa fora sobre assuntos de extrema relevância para a população e assume posturas que são contraditórias à sua própria finalidade, servir bem o povo. O fumo, por exemplo, é uma verdadeira praga em nossa sociedade, porém o Ministério da Saúde apenas adverte quando deveria tomar posições mais rígidas relativamente ao comércio e consumo desta droga.

 Os impostos sobre o cigarro correspondem a quase 60% do valor do produto e ainda assim os fabricantes estão felizes. A tristeza desta situação é notar a grande quantidade de indivíduos que cada vez mais cedo se deixam seduzir pelo consumo de um produto que é caro, faz mal não só a quem usa como também às pessoas próximas que respiram a fumaça, e de certo modo a toda população, pois na maioria das vezes os fumantes depositam o detrito do seu vicio nas ruas fazendo das cidades cinzeiros publico.

O cigarro deixa cheiro ruim nas roupas e no corpo, amarela os dentes e as paredes da casa, assim como causa dependência física e psicológica. Relativamente a outras drogas como a heroína, por exemplo, causa maior dependência e é uma droga legalizada. O fumo está associado a diversos problemas de saúde como hipertensão arterial, infarto do miocárdio, aterosclerose, bronquite crônica, enfisema pulmonar, cânceres de pulmão, boca, laringe, esôfago, estômago, pâncreas, bexiga, rim, faringe, colo de útero, mama, reto, intestino e próstata; Diabetes, otite, amigdalite, osteoporose, acidente vascular cerebral, aneurisma da aorta, estomatite, aborto, linfoma, catarata, periodontite, tuberculose, deslocamento precoce da placenta e sinusite, impotência sexual, entre muitos outros males.

Diante de tantos aspectos negativos que envolvem o consumo do cigarro e tendo em vista que é dever do estado oferecer condições de existência saudáveis fica difícil aceitar a manutenção desta porcaria. As razões para o Ministério da Saúde se limitar a advertir talvez residam no fato de que o governo arrecada muito dinheiro com impostos. Riqueza que a população, entorpecida com a fumaça do carnaval e eventos esportivos, parece ignorar que é tragada por corrupção e para sustentar uma estrutura politica viciada que prefere gastar mais dinheiro com o tratamento das doenças causadas pelo tabaco e discursos vazios do que tomar atitudes sérias em beneficio da saúde do povo.